O que é a Indústria 4.0?

tecnologia para indústria 4.0

A implantação da Indústria 4.0 é uma das principais tendências que vem sendo seguida pelo setor industrial brasileiro. 

Estar preparado para as mudanças que ocorrerão a partir dessa nova visão estratégica é indispensável para qualquer fabricante. Inclusive, do setor de materiais para construção. 

Existem várias formas das empresas de materiais para construção iniciarem o processo de implantação da Indústria 4.0 em seu negócio.  

Para isso, basta conhecer os seus princípios básicos e encontrar ferramentas para sua implantação, como a automação de processos

A plataforma Business Integrator é a melhor solução para a automatização de processos para o setor de materiais para construção.

Para entender melhor como a plataforma Business Integrator funciona, não deixe de ler esse artigo até o fim.   

Mas será que você sabe realmente o que é Indústria 4.0? Tem ideia de como implantar essa inovação em seu negócio? 

Nesse artigo você saberá o que é Indústria 4.0, quais são suas principais características, por que ela é importante para seu negócio e como utilizar a automação de processos em sua implantação. 

Origem do termo 

O termo “Indústria 4.0” foi usado pela primeira vez na Hannover Messe, uma das maiores feiras de tecnologia industrial do mundo, que é realizada anualmente na Alemanha. 

Em outubro de 2012, um grupo de trabalho presidido por Siegfried Dais (Robert Bosch GmbH) e Henning Kagermann (German Academy of Science and Engineering) apresentou um conjunto de recomendações para implementação da Indústria 4.0 ao governo federal alemão. 

Mas foi somente em abril de 2013, também na Feira de Hannover, que foi apresentado o relatório final do grupo de trabalho de Siegfried Dais e que a Indústria 4.0 começou a ser trabalhada pelo governo alemão, em um projeto estratégico de alta tecnologia.  

O projeto promoveu a informatização da manufatura alemã, com base em alguns princípios. Veja a seguir, quais são os princípios da Indústria 4.0. 

Princípios da Indústria 4.0 

São seis os princípios de projeto na Indústria 4.0:  

  • Interoperabilidade 
  • Virtualização 
  • Descentralização 
  • Capacidade em Tempo-Real 
  • Orientação a Serviço 
  • Modularidade 

Esses princípios orientam as empresas a identificarem e a implementarem os cenários previstos na Indústria 4.0 e são os grandes responsáveis para a geração de receita para as indústrias que os utilizam. 

Conheça em detalhes, a partir de agora, cada um deles. 

1) Interoperabilidade 

Habilidade que alguns sistemas tecnológicos têm de conectarem seres humanos com fábricas inteligentes e permitirem a comunicação entre eles através da internet e da computação em nuvem, otimizando diversos processos. 

2) Virtualização 

Criação de uma cópia virtual de fábricas inteligentes através de sensores de dados interconectados (que monitoram processos físicos) com modelos de plantas virtuais e modelos de simulação, que garante segurança no processamento de informações. 

3) Descentralização 

Habilidade de sistemas tecnológicos de fábricas inteligentes tomarem decisões sem intervenção humana, reduzindo drasticamente a margem de erros de processamento. 

4) Capacidade em tempo real 

Capacidade de sistemas coletarem, analisarem dados e entregarem conhecimento derivado das análises realizadas, de forma imediata e em tempo real, que auxiliam a tomada de decisões estratégicas quase que instantaneamente. 

5) Orientação a Serviço 

Oferecimento de serviços através da computação em nuvem, que agrega valor aos produtos manufaturados. 

6) Modularidade 

Adaptação flexível das fábricas inteligentes para requisitos mutáveis através da reposição ou expansão de módulos individuais, que garante atualização constante das formas de processamento eliminando a possibilidade de produtos e serviços tornarem-se obsoletos. 

Porém, para a implantação da Indústria 4.0 no seu negócio você precisar lidar com diversas tecnologias, mas, sem dúvida, a automatização de processos é um dos primeiros passos para a Indústria 4.0  

E, nesse aspecto, a plataforma Business Integrator é a melhor solução para as indústrias de materiais para construção. 

Com essa ferramenta o fornecedor pode integrar seu estoque de produtos com os lojistas, automatizar pedidos, validar notas fiscais, digitalizar documentos e muito mais, sempre tendo como base a automatização de processos. 

Se tiver mais interesse sobre o tema Indústria 4.0, não deixe de ler nosso artigo sobre outras tecnologias que podem ser utilizadas na implantação desse novo sistema industrial. 

Aproveite para deixar seu comentário e compartilhar esse artigo em suas redes sociais.